Nota de esclarecimento à imprensa e sociedade

Em atenção à imprensa e à sociedade, em virtude de notícias veiculadas a respeito da produção de tilápia no Estado, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental do Estado de Rondônia (SEDAM/RO) vem esclarecer que:

1) Trata-se de uma espécie exótica, rústica, com grande facilidade de reprodução, cujo processo de criação já foi amplamente estudado, mas que apresenta ameaça de sua introdução no ambiente amazônico caso seja criada sem planejamento.

2) Deve ser ressaltado que como não há estudos na região sobre a possível alteração no ecossistema aquático ocasionado por esta espécie, deve-se evitar esse tipo de cultivo, haja visto que existem outras espécies nativas com significativo potencial produtivo e econômico a serem cultivadas.

3) O crescente desenvolvimento da piscicultura no Estado dá-se em expressiva consideração devido à produção do Tambaqui (Colossoma macropomum).

4) A lei 3.437 de 9 Setembro de 2014, que rege o licenciamento aquícola do Estado, em seu artigo 9, permite a criação de híbridos e exóticos, porém restringe sua criação em cativeiro a ocorrer em viveiros escavados, em sistemas que impeçam o acesso dos espécimes, em qualquer fase de desenvolvimento, às águas de drenagem das bacias hidrográficas do Estado de Rondônia. Com base nos pontos acima mencionados, o Estado não incentiva a produção de espécies exóticas, em especial a tilápia. Além do que, os produtores rurais não demonstram interesse no cultivo da mesma.

Banner_Landing_750x120 modulo_de_consulta_publica_CAR_menor_03_03 fogo750x120 Banner_-_site_sedam UMIRIZAL

MENU